Cada homem pode utilizar o extensor PeniMaster.

Operação do pénis: Tratamento anterior e posterior

O alongamento operatório do pénis ou a rectificação peniana implica que deve ser feita incisão com cosedura posterior da ferida. Na operação, o cirurgião corta totalmente ou em parte o ligamento de retenção do pénis e cose-o em ponto mais baixo (fig. 1). Na operação de rectificação peniana, o cirurgião tira unilateralmente tecido suficiente, em ponto apropriado, a fim de estabelecer a rectificação.

Durante o processo de cura, o tecido da cicatriz é passível de se contrair e destruir totalmente ou em parte o resultado da intervenção, retirando-se o pénis cirurgicamente deslocado para fora, ao interior do corpo, ou encurvar de novo o pénis rectificado. O extensor peniano, aplicado conforme recomendado pelo médico, pode deter o processo retractivo e contribuir para manter o resultado operatório.

Mesmo antes da operação prevista do pénis (p. ex. em caso de Induratio penis plastica ou correcção de desvio peniano inato), o tratamento por extensão mecânica conforme recomendado pelo médico é passível de apoiar positivamente a terapia.

Representação gráfica do pénis e corte operatório do ligamento de retenção do pénis, no corpo para efeitos de alongamento peniano.
Fig. 1
No alongamento peniano operatório, o cirurgião separa o ligamento de retenção, no corpo, e cose-o em posição mais baixa. Isto aumenta a saliência do pénis.